quinta-feira, 2 de junho de 2011

Rítmos Brasileiros = Frevo e Marcha-Rancho


     
"Frevo" de Candido Portinario
      Na última década do século XIX e na primeira do século XX, aparece em Recife, no estado de Pernambuco, um ritmo, vindo da marcha e do maxixe, de andamento rápido e que se tornaria característico das festas de carnaval deste estado. Ao mesmo tempo, no Rio de Janeiro, começam a surgir as marchinhas carnavalescas, que possuem características semelhantes ao ritmo nordestino, surgem: o Frevo e a Marcha-Rancho.
      A principal diferença entre os dois ritmos é marcada pelo andamento, visto que o frevo apresenta andamento muito rápido. Devido às suas origens os ritmos apresentam instrumentações diferentes, apesar de poderem ser executados por diversas formações. O frevo vem da tradição das bandas militares e, portanto, tem como formação comum grupos com instrumentos de sopro (saxofones, trompetes, trombones, clarinetes, flautas e flautins) e instrumentos de percussão utilizados na marcha (bumbo, caixa e prato). A marcha-rancho possui também essa tradição militar, mas também tem como formação tradicional grupos relacionados ao samba, com instrumentos como cavaquinho, violão, bandolim, além de percussões como pandeiro, caixa e surdo.


O ritmo básico tanto do Frevo quanto da Marcha-Rancho é o mesmo, marcado pela figura abaixo:

Porém, as interpretações se distinguem por ter articulações diferentes, além do andamento, e podem ser transcritos assim:

Frevo: 


Marcha-Rancho:


Variação:


Repertório Sugerido: (para praticar)

Frevo:

        Atrás do Trio Elétrico (Caetano Veloso)
         Frevo Diabo (Edu Lobo)
         Frevo Rasgado (Gilberto Gil/ Bruno Ferreira)
 
Marcha-Rancho:

         A Banda (Chico Buarque)
         Marcha de Quarta-feira de Cinzas (Vinícius de Moraes/Carlos Lyra)
         As Pastorinhas (Noel Rosa/Braguinha)
         Noite dos Mascarados (Chico Buarque)

Fonte:
rafaelthomaz.wordpress.com

2 comentários:

  1. amei a explicação...(Elizandra)

    ResponderExcluir
  2. Saudações, Klaus!
    Tenho a impressão de ter entendido a explicação, cujos exemplos ajudaram a conceber a ideia.
    Estive, por coincidência ouvindo uma canção da velha banda new wave Blitz, cujo título é "Cresci, Mamãe". A segunda metade da canção é toda em clima de carnaval, e eu gostaria (se não for abuso) de pedir-lhe que me dissesse se acontece ali uma marcha, um frevo, ou ambos.
    Agradeço pela atenção e pelas orientações que este texto trouxe!
    Um abraço!

    Carlos

    ResponderExcluir